Videocreacións de Claudia Jaguaribe animan as paredes do Ágora da Coruña

VIdeOS é unha das mostras que o Festival Ouotno Fotográfico organiza na Coruña, e que estará na Biblioteca do Centro Ágora até o 30 de novembro.

Un dos obxectivos do Outono Fotográfico sempre foi espallar o territorio xeográfico no que colocar as súas exposicións. Nesta 30ª edición, este festival consolídase como internacional co fin de promocionar artistas galegos no estranxeiro, e expoñer o traballo de artistas de fóra dentro das nosas fronteiras. O OF saltou o atlántico para comezar intercambios con galerías e colectivos de Brasil. Esta exposición de videocreacións de Claudia Jaguaribe é froito da colaboración establecida coa  Galería Baró de São Paulo, e avalada por un dos seus curadores, Adriano Casanova.

A produción de Claudia Jaguaribe está baseada na fotografia dixital e no vídeo. Con unha forte investigación estética sobre a descontracción da imaxe e a captura do contemporaneo, Jaguaribe subverte a cor e a forma ao apropiarse de referencias da Historia da Arte, que resultan unha combinación de un ollar persoal co ollar virtual.

A mostra consta de 5 vídeos elaborados en diferentes fases do traballo da artista.

 

SINOPSES:

AEROPORTO | Livro, exposição fotográfica e vídeo-instalação – 2002

Vídeo que integra uma pesquisa fotográfica  sobre o universo dos aeroportos e das aeromoças, símbolos do mundo contemporâneo onde nossas vidas são regidas pelo contínuo deslocamento, pelo estranhamento espacial e pelas relações que decorrem destes processos. 
Vivemos uma existência marcada pela transitoriedade, pela fragilidade dos relacionamentos anônimos e a total dependência da tecnologia que modificou a nossa vivência de espaço e tempo, criando um conceito da “Cidade-Mundo”. São espaços contínuos ou não- lugares, como definiu Marc Augé. São territórios organizados com valores simbólicos e com regras próprias.

MENINA | O VÔO | Vídeo –  2007

Estes vídeos fazem parte do projeto multimídia “Você tem medo do que?”. A partir de uma pesquisa realizada na internet, Claudia Jaguaribe fez a pergunta título para os internautas explicarem seus medos. Com as milhares de respostas recebidas, a escritora Beatriz Bracher realizou uma sutil colagem de diversos textos, que expressavam o medo nas mais diversas formas. Claudia foi a campo e filmou um grande volume de material, às vezes de tom documental, e outras imagens de pura plasticidade.

QUANDO EU VI  | Exposição e vídeo – 2007/2008

Na exposição “Quando Eu Vi”, Claudia Jaguaribe aborda a fotografia de paisagem, especificamente fotografando a mata brasileira, partindo do conceito da sua contemplação pelo homem contemporâneo: uma revisão do conceito de paisagem natural.

Série O Seu Caminho | Exposição fotográfica e vídeo-instalação – 2010

Experiência da percepção da água sem se ater a uma documentação tradicional. A obra de arte se coloca como “um ser de sensação”. Apresenta uma interpretação subjetiva da ameaça e da potente experiência da água vista na natureza. O vídeo é composto por quatro  imagens que combinadas criam um ambiente imersivo

 

Deixa unha resposta

O teu enderezo electrónico non se publicará Os campos obrigatorios están marcados con *

Información básica sobre protección de datos Ver más

  • Responsable Vítor Nieves .
  • Finalidad Moderar los comentarios. Responder las consultas.
  • Legitimación Tu consentimiento.
  • Destinatarios Dinahosting S.L..
  • Derechos Acceder, rectificar y suprimir los datos.

Esta web utiliza cookies. Podes ver a política de cookies. Se continúas navegando estás a aceptala!    VER